10/08/06


Ouço o vento que suavemente vem cantar na minha janela
e me traz o eco da tua voz calma e amiga.
Ele transporta a tua mão e docemente me acaricia a face.
Aceito e devolvo nas asas do vento a minha carícia para ti...
porque és especial e porque quero ficar no teu colo assim...
como a brisa suave e sem pressas...


foto: 1000 imagens

32 comentários:

José Manuel Dias disse...

Somos fruto da soma de todos os momentos..mas uns são mais marcantes que outros.
Bjs

Outsider disse...

Que bem sabem as caricias que nos envias através do vento deste teu blog... Que aconchegantes são as tuas palavras. Que bom é sentirmo-nos especiais.
Beijos.

.*.Magia.*. disse...

Olá!
É sem pressas que estes momentos devem ser disfrutados...mesmo que só durem um segundo!

Beijos encantados!

Kaos disse...

Tens essa magia de nos transportares no vento das tuas palavras. Nós só podemos usufruir e agradecer.
Obrigado
bjinhos

diabinho disse...

K belo momento...
bjinhos

pintoribeiro disse...

Bjinho,

Lena Casas Novas disse...

Vamos seguir uma linha de pensamento.Eu adoro as ondar do mar, aguas quentes, e sol escadante do entardecer... aiaiaia...

Bem te vejo no Portal

de Matos disse...

Maravilhosa imagem, parece que estas cada vez melhor, a escolha da imagem e principalmente das palavras, mais uma vez gostei bastate de aqui entrar :)

bjs e bom fim de semana

Um Poema disse...

Uma doce enlevo.
Lindo!
Um abraço

Momoberry disse...

que lindo...

ALF O Extasiado disse...

...e assim o vento me traz suas emoções para o meu doce sentir...

Adorei, palavras lindas e tocantes.
A imagem, bem, tu consegue encontrar imagens muito belas.

beijos

Anónimo disse...

OLÁ NILSON, TU JÁ ÉS O TERCEIRO GRANDE POETA DE NOME NILSON QUE TENHO O PRAZER DE CONHECER!!
SUES VERSOS SÃO MAGISTRAIS,PROFUNDOS E EXUBERANTES!!ARREPIANTE!!!TENHA UM FINAL DE SEMANA GLORIOSO E ABENÇOADO!!!UM GRANDE ABRAÇO, RAQUEL ALVES
POETISAKEKA@HOTMAIL.COM
HTTP://KEKA-DAN.MYBLOG.COM.BR

Luiz Carlos Reis disse...

Ao pousar em tua janela me transporto para outras dimensões...outras linhas de pensamento
Fascínio e lirismo são tuas especialidades.
Abraços e bom final de semana!

Nilson Barcelli disse...

TB
O comentário que me é dirigido é da Raquel (Brasil) que eu conheço e ela deve ter-se enganado.
Visita-a e puxa-lhe as orelhas...

Lindas as tuas palavras. A tua janela é muito inspiradora.

Beijinhos.

Licínia Quitério disse...

Uma sensação boa. Frescura, tranquilidade. Fizeste bem em dar-lhe título, não dando...
Beijinhos.
Licínia

António disse...

Minha querida Teresa!
Já cá não vinha há quasi dois meses.
E acertei porque tens aqui um belísssimo poema.

Obrigado pela tua visita.
Escreveste:
"Na guerra eu não tenho lados".
Minha querida, só te digo que se a guerra chegar à porta da tua casa, vais ter lado, de certeza.

Beijinhos

Francisco Sobreira disse...

Um poema já bem maior dos habituais, querida amiga. Mas , como os outros, de um lirismo simples, mas eficaz. Um beijo carinhoso e um excelente fim de semana.

Bill disse...

Vento que me traz os seus sonhos, transporta seu perfume, me tras seu olhar com o brilho da lua...
Ouço sua voz com uma canção de amor, como um delirio de paixão...
A saudades que esse vento e traz, doce da lembrança com amargo da distancia...
Vai vento, leve meu beijo para ela...

Oi moça linda...
QUe palavras belas, fiquei com saudades aqui de muita gente querida, como queria estar come eles...

Tenhas um fim de semana muito bom viu =]

Beijão

:***

mitro disse...

Sem pressas... é muito bom!

helena disse...

tb
Bonitas palavras as tuas, pois têm o dom de nos fazer voar calma e docemente.
Beijinho

Isa&Luis disse...

Olá menina.

e sem pressas li e reli o teu sentir:))

Amei!

Beijinhos muitos

Isa

Sofia disse...

Olá,
Belas palavras para animar e iluminar esse final de semana.
Abraços,

Kafé Roceiro disse...

Muito bonito. Fiquei maravilhado!

Mikas disse...

Lindas as palavras...

Mendes Ferreira disse...

abraço....











até.

Lee disse...

Qual teia que nos prende, invisível e forte na magia da vontade. Quem dera sentir-me tonto e embalado do veneno. Lutando, nunca para fugir, preso, sempre, para ficar.
Só não sei onde estou, não sei quem és, sei que estou a gostar de te ver.

Rosalina disse...

o vento só se consegue ouvir sem pressas.

Miriam5 disse...

Gostei:-)
Um bom feriado
Bjs

benechaves disse...

Olá amiga: que o vento cante suavemente e sempre na sua janela. E o seu assobio fino encante o seu dia-a-dia.
Na postagem anterior, palmas para o Mario Quintana, grande poeta nosso.

Um beijo cantante...

Fernanda disse...

Que delícia de texto...
De repente me bateu uma saudade, junto com uma brisa suave...
Bjs

Anónimo disse...

Enjoyed a lot! jennifer shemale discount valtrex debt consolidation Porsche 914 916 935 body panels canada Propolis rosacea und 2005 porsche carrera gt specs Injection stop smoking

Anónimo disse...

Excellent, love it! film editing classes