14/07/14

Sou como a videira
estendo as gavinhas
e amparo a amizade...

5 comentários:

Mar Arável disse...

Extraordinárias as videiras

Graça Pires disse...

Quero ser amparada, amiga...
Um beijo.

Francisco Sobreira disse...

Querida Amiga,
Fiquei feliz em saber que você não se esqueceu de mim. Também sinto saudade de você e das demais pessoas amigas que conquistei através do meu blogue. Estou bem. Espero que aconteça o mesmo com você e os seus. Grande abraço.

Eduardo Aleixo disse...

E eu como destas uvinhas cor do amor com A grande.
Grato.
Beijo azul.

Parapeito disse...

Eque bem que tu amparas minha ne*
abraço ruim *****