04/10/13

Amarras

Se te oferecerem
ainda que sejam de ouro
de esmeraldas,
da pedra ou mineral mais fino,
mas grades,
não te prendas,
não cedas
solta as amarras
acredita
tu podes tudo
liberta os braços
e...
Sê como a abóbora!

4 comentários:

O Puma disse...

... entretanto este desgoverno cairá nas ruas

ou nas pontes

Parapeito disse...

:)) gosto da tua imaginaçao...
mas troco abóbora por melão :P
abralo minha né* e brisas doces para ti***

Parapeito disse...

abralo (sela lá o que for) e abraço tb :P

© Piedade Araújo Sol disse...

pois, talvez tenhas razão...
:)