07/09/07

sonho...


Senti a brisa da tua presença...despi-me de tudo menos de mim
e entreguei-me
esquecidos ficámos do resto do mundo
só nós e o nosso sentir...
a manhã, veio de mansinho afagando.
lentamente, espreitando por entre a cortina, um raio de sol travesso
veio envolver-nos cúmplice, juntando-se ao nosso abraço.
Abrimos os olhos, sorrimos e ficámos saboreando...
foto:www.olhares.com

28 comentários:

Rui disse...

Saborear o momento. Saborear o outro. Um gelado e o céu.

zé (do beco) disse...

Um silêncio vale mais que mil palavras.
Ou será uma imagem?
Ou serão as duas coisas???
Bjs.

Catia disse...

Lindo :)

nqdn disse...

A VIDA e a vida são coisas completamente diferentes.
O mundo só começará a ser perfeito no dia em que as duas se tornarem a mesma coisa.
Um beijo!
Luís.

Francisco Sobreira disse...

Interessante, muito interessante, cara Teresa, o poema. A pessoa vê a foto do casal entrelaçado e julga que vai ler um poema erótico. Não, é um poema de amor, tocado por um cativante lirismo. Que bom. Um beijo afetuoso.

Laurentina disse...

Ola.
O belo é sempre belo...!!!
Lindo 5 estrelas.

Boa semana
Beijão grande

Plum disse...

Instantes mágicos!Abraços!***

legivel disse...

... ah! esse sol que não perde pitada!

beijinhos e sorrisos.

Dora disse...

Que delicadeza de versos! Parecem formar um tecido de rendas, entremeado de fitas...ou brocados! A minha sensação, ao lê-los, é de paz, aconchego, calor e a vida plena e amansada a meus pés...
Gostei muito!
Beijo você.
Dora

joão marinheiro disse...

O sentir é assim, por vezes espécie de brisa que nos embriaga e nos faz esquecer do mundo, e depois quando, muito depois, abrimos os olhos, temos o sol quente a sorrir cúmplice a abraçar-nos como a brisa que nos faz sentir.

Sempre belas as palavras tuas querida amiga.

Beijo daqui junto ao mar.

Suspiros disse...

Instantes e momentos por detrás das cortinas de amor...

Boa semana!
:)

Daniel Aladiah disse...

Imagino tal entrega...
Um beijo
Daniel

Amaral disse...

A imagem que escolheste é divinal!
Por entre a cortina, há sempre um raio de sol, despido de preconceitos, ao qual a entrega faz abrir os olhos do mundo...

Luiz Carlos Reis disse...

O afago triunfante à perpetuar-se. Momento ímpar do amor!
Hà sempre uma poesia no ar!

Fica em paz!Beijo doce!

Bill disse...

Pouco a pouco juntar as almas e corações (=

Hum silêncio que desenha no ar os desejos.

Lindas palavras, doces e cheias de amor (=

Sempre x)

:***

Nilson Barcelli disse...

Mas que belo sonho... Muito poético.
Gostei do teu poema. Há imagens muito interessantes, por exemplo:
"despi-me de tudo menos de mim"
Continua.
Bfds, beijinhos.

N.F. disse...

Para Sempre

Os instantes escrevem a vontade de prolongar o abraço, para sempre.

Vi o teu rosto na noite passada, trazias vestido o teu mais bonito olhar, "Amo-te", disse-te eu. "Toma de novo conta de mim", pediste-me.

Mas tu és como o sangue que me corre nas veias, doce e livre alcançando o mais solitário dos recantos.

Esqueceste-te de mim, mas eu ainda me lembro-me do tempo em que éramos como ondas do mar, vagando num vaivém sem fim. E, pior, ainda me lembro da tua expressão quando me prometeste, a sorrir: "Serei tua para sempre!"

Nuno Firmino

Beijinhos, tb, deste teu amigo - para sempre.

João Vasco disse...

Como se o tempo parasse na degustação...
Bj

António disse...

Querida Teresa!
Mais um lindíssimo post (desta vez com um cunho sensual).
Mas o que me trouxe aqui, hoje, foi a intenção de te dar os parabéns e desejar-te uma longa vida na companhia daqueles a quem amas.

Beijinhos

ALF disse...

E todo esse prazer mútuo enriquece as almas.
Que lindo, que imagem perfeita.

Beijos

Mikas disse...

Os sonhos são tantas vezes o apoio da realidade, fuga às desilusões...

pessoa disse...

Como é bom saborear um momento perfeito.
Bj.

PiresF disse...

Que dizer para além de que está excelente?…
O melhor é saborea-lo relendo-o.

Enorme abraço.

PS: Voltei e a pouco e pouco estou a visitar os amigos.

Isa&Luis disse...

Bom dia, amiga!

Belissimo momento! Uma entrega perfeita.

Beijinhos

Isa

Nilson Barcelli disse...

Então?
Não há mais sonhos...?
Beijinhos.

mpo disse...

Delicioso...
Bjs

mitro disse...

hummmmmmm

J.G. disse...

Um magnífico momento!

Abraço.